Marketing

3 perguntas e respostas sobre embalagens multifunção que você deve conferir

Scuadra
Escrito por Scuadra

Quem trabalha com marketing sabe do constante desafio que é inovar e criar diferenciais para o negócio, certo? Em virtude disso, é muito difícil criar estratégias que realmente possam cativar o consumidor.

Como chamar a atenção? Vale a pena mudar algo no planejamento? É necessário mudar a apresentação do produto? Enfim, essas e outras perguntas permanecem na cabeça de todo profissional da área.

Nesse sentido, as embalagens multifunção surgem como uma interessante alternativa para incrementar a captação de novos clientes e ampliar a divulgação. Se você se interessa pelo tema e quer saber mais sobre o assunto, continue lendo o texto!

1. Como funcionam essas embalagens?

Você está andando pelo supermercado e, de repente, na seção de alimentos congelados, constata que todos os produtos são parecidos, pois são embalados de forma parecida. Você mal consegue diferenciá-los, tamanha a semelhança que existe entre eles.

Partindo dessa situação, pode-se dizer que as embalagens multifunção surgem como soluções criativas para alterar esse panorama. Elas são, como já sugere o próprio nome, revestimentos que agregam funções variadas.

Chega a parecer confuso, não é mesmo? Na prática, contudo, é possível notar como se trata de um conceito simples de entender.

As embalagens multifuncionais partem do pressuposto de serem úteis para o cliente. Seja para usar no dia a dia ou para armazenar algo: o que importa é que ela traga algo de valor, que vá além de sua atribuição básica — embalar algo.

2. Vale a pena investir em embalagens multifunção?

Vale, e muito! Afinal, trata-se de uma opção cujo custo-benefício compensa, principalmente quando comparado a outras táticas de merchandising.

Além disso, o modelo se alinha muito bem à ideia de publicidade visual, tendo em vista que ele pode comunicar muitas informações. Imagine a quantidade de pessoas que entram em contato com o logotipo de sua empresa ao vê-lo estampado em uma sacola reutilizável, por exemplo.

3. Existem desafios relacionados a esse tipo de embalagem?

Apesar de ser uma ótima solução, as embalagens multifuncionais também oferecem alguns desafios, que podem ocorrer tanto no ato da implementação quanto depois, com o projeto já em andamento.

Você já sabe que deseja fortalecer sua marca, certo? Para isso, pensou em embalagens diferentes. Ainda assim, é fundamental que essa inovação seja pensada corretamente. Desse modo, será possível conquistar os resultados almejados.

Qual material será utilizado? Essa nova embalagem vai, de fato, facilitar a vida dos consumidores em algum sentido? O custo de produção cabe no orçamento? Qual ideia está sendo passada para o público-alvo?

Responder a essas perguntas pode ser a chave para alavancar suas vendas! Lembre-se: é primordial que a sua embalagem multifuncional seja visualmente única, mas ela também precisa oferecer algo a quem consome. Erros comuns — informações erradas, ilustrações mal finalizadas etc — devem ser evitados a todo custo.

Pense em algo que otimize a utilização de seu produto. Se o seu ramo é alimentício, por exemplo, use embalagens inteligentes, que colaboram para não desperdiçar os alimentos.

Ao usar embalagens multifunção em seu negócio, a tendência é que você aprimore o relacionamento com os clientes e melhore os resultados de forma significativa.

Se você gostou da ideia ou ainda tem algumas dúvidas, entre em contato conosco! Será um prazer ajudá-lo a crescer.

Sobre o autor

Scuadra

Scuadra

Embalagens personalizadas para empresas que tenham inovação em seu DNA.

Deixar comentário.

Pin It on Pinterest

Share This