Planejamento

3 estratégias para aumentar o seu giro de estoque!

estrategias para aumentar giro de estoque
Scuadra
Escrito por Scuadra

Dentre os diversos indicadores de produtividade de uma empresa está o giro de estoque. Esse deve ser monitorado com cuidado e eficiência pelo gestor responsável, pois está diretamente relacionado com os custos e investimentos da organização.

O giro de estoque compreende o tempo médio necessário para se vender o estoque mantido pela sua empresa — ou seja, o tempo que você leva para renovar sua mercadoria.

Como cada item comprado é um capital da sua empresa que foi investido, não é interessante que esses produtos permaneçam por muito tempo parados. Afinal, é um valor que poderia ser aplicado em outras coisas.

Além disso, há os custos diretos e indiretos, relacionados à manutenção de um estoque de produtos — mão de obra, espaço físico, inventário, manutenção etc. Dessa forma, equilibrar a balança para que nunca falte produto, mas sem ficar com mercadorias paradas, é um desafio constante.

A melhor forma de aumentar o seu giro de estoque é por meio de informação e dados. Conhecer a frequência de vendas de sua loja, rotatividade de cada produto, sazonalidade do comércio e tempo de entrega dos fornecedores é fundamental nesse processo.

Neste post vamos ajudá-lo com algumas estratégias para aumentar o giro de estoque da sua empresa. Boa leitura!

1. Diagnóstico

Como falamos, a melhor forma de melhorar esse indicador é por meio de dados e informações. Em posse dessas projeções é possível monitorar e traçar estratégias de compra mais eficazes.

O indicado é focar nos produtos que são responsáveis pela maior parcela de vendas da sua empresa, aqueles que correspondem a 80% do faturamento.

Quanto às mercadorias de menor rotatividade e participação nos pedidos, compete estudar o que é mais vantajoso: descontinuar a venda desses produtos ou apostar em alguma promoção.

2. Armazenamento

Mercadorias paradas representam prejuízos, por isso o recomendado é manter um tamanho de estoque que comporte apenas o necessário para não perder venda e/ou atrasar a entrega.

Um estoque acima do necessário requer mais dinheiro e tempo para manutenção, além de facilitar extravio de mercadorias, avarias e vencimento, em caso de produtos perecíveis.

Uma das estratégias é negociar diretamente com seus fornecedores quanto a entrega e o abastecimento das mercadorias. Em alguns casos, o próprio fornecedor faz a entrega e/ou armazena os produtos.

3. Venda e Treinamento

Em muitos casos, o baixo giro de estoque pode ser melhorado por meio de treinamento e maior foco dos vendedores. Eles costumam dar mais atenção aos produtos de maior representatividade nas vendas, em vez de estudar e conhecer melhor os itens de menor procura.

Corrigindo esse fator, normalmente, a venda de itens que demoram para sair tendem a aumentar. Outra estratégia é incrementar a venda de mercadorias de baixo giro por meio de ações e promoções específicas para os vendedores.

Colocando em prática essas dicas, com certeza, você terá uma melhora no seu giro de estoque — aumentando a produtividade da sua empresa, tendo mais espaço para novos produtos e reduzindo o custo com armazenagem.

Gostaria de conhecer mais soluções para melhorar o desempenho da sua empresa? Entre em contato agora mesmo com a Scuadra e descubra mais sobre as soluções diferenciadas em embalagens para os seus produtos.

Saiba mais

Sobre o autor

Scuadra

Scuadra

Embalagens personalizadas para empresas que tenham inovação em seu DNA.

Deixar comentário.

Pin It on Pinterest

Share This